Marcelo Zacarelli

Marcelo Zacarelli

Visualizações de Página

08 abril 2011

Ainda sou o Mesmo


Ainda escrevo as mesmas coisas
Ainda sonho os mesmos sonhos
Ainda leio os mesmos livros

Onde anda meu coração
Esqueço que às vezes estou sozinho
As cifras que saltam do meu violão
Casa-se com as letras do meu desatino

Ainda falo as mesmas bobagens
Ainda choro quando vejo um filme
Ainda é tempo de acordar
E lembrar que estou vivo

Onde andam os meus pensamentos
Às vezes me perco em um vazio
Se faz canção o meu sentimento
A cura da dor acalenta-me do frio

A dor é uma estação passageira
Como uma foto que amarela com o tempo
Ainda sou livre pra amar
Ainda sou forte pra suportar
Um novo amor cicatriza as feridas
Ainda sonho os mesmos sonhos
Onde anda meu coração.

Pelo autor Marcelo Henrique Zacarelli
Mauá março de 2006 no dia 18

Nenhum comentário: